Kuarup: experiência em realidade virtual “leva” visitantes para ritual indígena

Um dos projetos selecionados pelo edital Cultura Circular, o Hacktudo vai trazer para o Centro Cultural Oi Futuro uma experiência imersiva que alia tecnologia e tradição. É o Kuarup, uma instalação em realidade virtual que recria um ritual milenar indígena da aldeia Yawalipiti, do Alto Xingu, e estará disponível para os visitantes do Centro Cultural em curtíssima temporada, de 2 a 5 de março.

O Kuarup é um ritual sagrado realizado pelos indígenas desta etnia em celebração aos mortos. No rito, são celebradas a memória daqueles que se foram e a libertação de suas almas para o mundo espiritual. A experiência em realidade virtual foi criada através de um intercâmbio colaborativo entre profissionais especialistas em arte e cultura, que garantem que a vivência seja um verdadeiro convite à reflexão.

A experiência reforça a necessidade de preservarmos a existência e sobrevivência dos povos indígenas presentes no Brasil e no mundo, além de demonstrar que são os povos indígenas os maiores responsáveis pela preservação do nosso meio ambiente.

link do video do IG : https://www.instagram.com/reel/CpBanyKDCWC/?utm_source=ig_web_copy_link&igshid=MzRlODBiNWFlZA==

A instalação Kuarup é uma das realizações do Hacktudo, projeto selecionado para o programa Cultura Circular, uma iniciativa do British Council em parceria com o Oi Futuro, que selecionou seis festivais para receber formação e mentoria para a aplicação e consolidação de práticas sustentáveis na operação de seus eventos. Além disso, o edital promove também um intercâmbio entre artistas brasileiros e britânicos.

Jon Bausor, cenógrafo internacional multipremiado e diretor criativo de Londres, foi o artista selecionado para a residência artística, e contou com a colaboração da artista indígena Mayra na cenografia e ambientação do espaço. As fotos expostas na imersão fazem parte do acervo do fotógrafo Cafi, que presenciou e registrou em 2012 o Kuarup em homenagem a Darcy Ribeiro. O designer Paulo Tavares é o responsável pela ambientação 3D onde as fotos estarão expostas. A curadoria geral é feita por Miguel Colker, diretor do Hacktudo.

Principais Tags:

Compartilhe com o universo!

Leia também
A História de Kafka e a Boneca Viajante
INFORME AO PÚBLICO: elevador em manutenção
Com o apoio dos patrocinadores, Futuros oferece transporte gratuito para visita de instituições de ensino
Futuros – Arte e Tecnologia celebra a chegada dos novos patrocinadores BNY Mellon e EY
Arte a partir de dados? ‘Existência Numérica – Emergências’ mostra que, além de possível, é necessário
Menino Mandela estreia essa semana no Teatro Futuros