Mostra Firjan SESI 2023 no Teatro Futuros: confira a programação da semana!

Uma série de 24 trabalhos de artes cênicas – entre espetáculos de dança, circo e teatro – está em cartaz no Futuros – Arte e Tecnologia até o dia 29 de outubro. A Mostra Firjan SESI 2023 reúne trabalhos inéditos selecionados pelo Edital de Cultura da Firjan SESI, lançado em apoio com o Oi Futuro. Abaixo, o que vai rolar essa semana no Teatro Futuros, sempre em duas apresentações diárias. A entrada é gratuita e os ingressos devem ser retirados com antecedência neste link.

O museu sem fim de 1976

A artista de teatro, crítica e curadora Daniele Avila Small comemora os 15 anos da revista Questão de Crítica – projeto indicado ao Prêmio Shell 2023 – com uma série de palestras-performance que estreia nesta quinta-feira, dia 28, em Futuros – Arte e Tecnologia, como parte da mostra Firjan SESI 2023. Em O museu sem fim de 1976, Daniele conduz uma visita guiada a um museu imaginário e compartilha com o público a experiência de olhar para obras de arte com uma perspectiva crítica. Ao falar dessas obras, ela reflete sobre as mentalidades e os afetos que estavam em pauta em meados dos anos 1970 para mulheres em diferentes contextos. 

SERVIÇO

DIA 28/09

Teatro Futuros em duas apresentações, às 15h e às 20h.

Classificação etária: 14 anos

 

Super Ordinário

Cinco funcionários levam suas vidas automatizadas trabalhando no supermercado “Super Ordinário”. Cada um, de acordo com sua função e personalidade, encara os desafios de uma longa jornada com grande impacto físico, cumprindo rituais para que o tudo funcione como de costume. Na estrutura repetitiva de seu cotidiano, esses funcionários dão forma às contradições de sonhar com novas perspectivas e sobreviver a uma rotina monótona e exaustiva que ocupa quase todas as horas de seus dias. A peça Super Ordinário fala de desejos, sonhos, medos e frustrações de uma vida imobilizada pelo trabalho e o esgotamento. O espetáculo da Trupe Troço tem direção de Fábio Freitas.

SERVIÇO

DIA 29/09

Teatro Futuros em duas apresentações, às 15h e às 20h.

Classificação etária: 12 anos

 

Entre Caminhos 

Na cartografia do Rio de Janeiro, entre territórios, entre corpos, entre danças, entre temporalidade, os corpos caminham, se lançam, se movem e aportam na paisagem da cena. Com direção musical de Fernando Alves Pinto, Entre Caminhos é um espetáculo de dança em que a coreografia é feita de trajetórias no espaço-tempo para refletir conceitualmente sobre nossos caminhos traçados na história impressa nos corpos e na cidade.

SERVIÇO

DIA 30/09

Teatro Futuros em duas apresentações, às 15h e às 20h.

Indicação etária: livre

 

Boca do Mundo

Foto Carol Pires

Uma evocação das danças e personagens populares do Brasil em uma encruzilhada cênica, onde os intérpretes, através de músicas e danças, encarnam encantados de todos os cantos do país. O espetáculo dialoga com a ludicidade onírica de EXU, encantado da cultura africana, o Mensageiro sem o qual os humanos não se comunicam com os Orixás. Ele é a comunicação do território Brasil com os brasileiros evocando a ancestralidade, a identidade e a pluralidade. Boca do Mundo é uma continuação das pesquisas do coreógrafo e artista plástico Marcio Cunha e nasce do desejo de aprofundamento no sincretismo das rodas de capoeira, ritos de chegada e passagem, músicas e itens africanos.

SERVIÇO

DIA 01/10

Teatro Futuros em duas apresentações, às 15h e às 20h.

Classificação etária: 18 anos

 

Principais Tags:

Compartilhe com o universo!

Leia também
A História de Kafka e a Boneca Viajante
INFORME AO PÚBLICO: elevador em manutenção
Com o apoio dos patrocinadores, Futuros oferece transporte gratuito para visita de instituições de ensino
Futuros – Arte e Tecnologia celebra a chegada dos novos patrocinadores BNY Mellon e EY
Arte a partir de dados? ‘Existência Numérica – Emergências’ mostra que, além de possível, é necessário
Menino Mandela estreia essa semana no Teatro Futuros